MELHORES REMÉDIOS PARA DIMINUIR ESPASMOS MUSCULARES

Os espasmos musculares sempre surgem como uma surpresa. A contração involuntária ocorre sem aviso, seja no meio da noite ou um espasmo nas costas quando você procura um objeto na sua casa, por vezes parece uma sensação assustadora. Mas não deixe que isso o faça ficar com medo. 

Confira agora: Como Ganhar Massa.

Quando ocorre um espasmo repentino, não se exercite ou aperte o músculo. Apenas estique-o suavemente até o seu limite. Isso ajuda a relaxar o músculo e a aliviar a contração descontrolada.

Quer saber  quais os melhores remédios para espasmos musculares? Continue lendo esse artigo| se surpreenda!

SINTOMAS DOS ESPASMOS MUSCULARES

espasmos-musculares
espasmos musculares

Os sintomas e sinais dos espasmos musculares dependem do músculo envolvido e das circunstâncias que levaram ao espasmo.

O espasmo do músculo esquelético geralmente envolve músculos que estão sendo solicitados a fazer um trabalho excessivo. Há um início agudo de dor muscular quando ela se contrai. Um músculo apertado e abaulado pode ser visto ou sentido sob a pele onde o músculo está localizado. 

Na maioria das vezes, o espasmo desaparece espontaneamente após alguns segundos, embora possa durar muitos minutos ou mais. Geralmente, os afetados sentem a necessidade de alongar os músculos envolvidos, aliviando o espasmo e resolvendo o episódio. Com câimbras de calor, o espasmos musculares podem ocorrer minutos ou horas após a conclusão de uma atividade.

O QUE CAUSA OS ESPASMOS MUSCULARES?

Exercitar-se sem aquecer adequadamente os músculos pode levar a possíveis espasmos. os espasmos musculares também ocorrem quando um músculo não é capaz de relaxar adequadamente (como uma deficiência de magnésio ou potássio em sua dieta) ou quando fica irritado por um acúmulo de ácido lático (o que pode acontecer se você não descansar o músculo depois exerceu muito). 

A desidratação pode piorar esses dois problemas. Os idosos geralmente não bebem água suficiente à noite porque querem evitar ter que ir ao banheiro e acabam desidratados.

O fluxo sanguíneo reduzido para os músculos também pode causar espasmso. Isso pode ocorrer devido ao estreitamento das artérias nas pernas, causado pela aterosclerose. Pode até acontecer por razões mais estranhas.

Com a chegada da terceira idade os nervos que falham e ficam confusos devido a condições neurológicas (como doença de Parkinson, neuropatia ou problemas na coluna que comprimem os nervos na região lombar) também podem causar espasmos musculares. Mesmo problemas comuns nos pés (como arcos planos) podem fazer isso.

ALÍVIO PARA OS ESPASMOS

Aprenda alguns alongamentos que proporcionam alívio rápido quando os espasmos musculares surgirem.

Sente-se na cama, enrole o cobertor em volta do pé e puxe delicadamente os dedos dos pés em sua direção enquanto mantém o joelho reto. Isso ajudará em uma melhor circulação sanguínea.

Como alternativa, para espasmos na frente da perna, fique de pé ao lado da cama, ponha o peso nos dedos dos pés e levante os calcanhares; isso estica suavemente o músculo contraído.

Para espasmos nas costas, é recomendado a postura de ioga “pose da criança” e para  nos isquiotibiais (na parte de trás da coxa), sente-se no chão com as pernas estendidas à sua frente. Deslize as mãos pelas pernas até sentir uma sensação de queimação no músculo contraído. Segure por 30 segundos e depois retorne lentamente à posição sentada.

Depois de alongar os músculos, é recomendado colocar uma almofada de aquecimento na área para promover o fluxo sanguíneo. Em seguida, massageie suavemente o músculo.

SE HIDRATE

Os líquidos podem não proporcionar alívio imediato de um espasmo no momento. Mas beber bastante água e bebidas com eletrólitos, que incluem potássio, cálcio, magnésio e sal, deve fazer parte de sua rotina e pode ajudar a reduzir as cólicas nas mulheres. Apenas certifique-se de consumir uma bebida esportiva para procurar opções com pouco açúcar.

A desidratação pode aumentar a probabilidade de espasmos musculares, mesmo quando você não está se exercitando. Por exemplo, se você não tiver o costume de beber nada antes de dormir, é mais provável que acorde com dores nas regiões da coxa, ou qualquer outra região muscular, a água é de suma importância para uma melhor hidratação do corpo.

Portanto, enquanto estiver passando pela cozinha aproveite e tome um copo de água, isso pode não aliviar imediatamente um espasmo, mas irá remediar que outros com mais frequência possam surgir.

SUPLEMENTOS ALIMENTARES

Além de uma dieta equilibrada, em alguns casos em que as pessoas focam além dos nutrientes que podem aumentar o risco de espasmos, podem ser recomendados suplementos. 

Há algumas evidências, por exemplo, que tomar um suplemento vitamínico do complexo B poderia ajudar a reduzir os espasmos musculares. Da mesma forma, para algumas pessoas que não estão recebendo cálcio ou magnésio suficiente e estão tendo espasmsos musculares, pode ser necessário um suplemento combinado de cálcio e magnésio – pelo menos temporariamente.

Você precisará garantir a ingestão suficiente de vitamina D, pois isso ajuda na absorção de cálcio e magnésio. Você meio que precisa que essas coisas funcionem juntas e se elas estiverem trabalhando juntas, você poderá obter melhoras nos espasmos musculares e nas cãibras noturnas, fazendo com que elas sumam aos poucos.

QUININO

Um extrato da casca da árvore cinchona, o quinino às vezes é usado para tratar cãibras musculares. O clássico remédio sem receita é para as pessoas beberem água tônica que contém quinino. Mas você também pode comprar quinino em forma de suplemento ou cápsulas, já existem até mesmo farmácias que vendem.

Dito isso, o quinino – que em doses mais altas é aprovado pela Food and Drug Administration como medicamento prescrito para tratar a malária – não é um remédio que é tão recomendado por especialistas em saúde rotineiramente. No entanto seus efeitos se mostraram positivos quanto aos espasmos musculares.

CONCLUSÃO SOBRE OS ESPASMOS MUSCULARES

O que você achou de todas essas informações e até mesmo alguns remédios naturais para os espasmos musculares? Eu espero que tenha gostado e que até mesmo possa colocar algumas dessas dicas de exercícios em prática.

Procure sobre informações na sua região sobre o quinino, quem sabe você também não possa adquirir e começar a consumir para resultados mais rápidos.

Gostou do conteúdo? Compartilhe com aquele seu amigo ou conhecido que você sabe que sofre com os espasmos musculares.

×